VISCONDE DE MAUÁ NA PANDEMIA

A princípio os eventos e festas populares em Visconde de Mauá nos anos de 2020 e 2021 foram cancelados até segunda ordem, tais medidas podem serem revistas de acordo com a contenção da transmissão, número de novos casos de pessoas contamindas e avanço da vacinação. 

Como relatado em mapas, a região de Visconde de Mauá e suas 3 principais Vilas ficam, literalmente, na fronteira dos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro e são administradas por 3 munícpios: Resende (RJ), Itatiaia (RJ) e Bocaina de Minas (MG). Ou seja, apesar das medidas sanitárias para conter o avanço da transmissão do COVID-19 terem mais tópicos em comum do que diferenças; algumas normas podem variar de acordo com a localização do Hotel , Pousadas , Imóvel , Loja, Bar, ou Restaurante. 

Placa sinalizando a Vila da Maromba , Visconde de Mauá
Vila de Maringá e suas lojas á noite em Visconde de Mauá

Visconde de Mauá na Pandemia

  1. A temperatura corporal pode ser exigida na pousada no seu check-in, caso esteja acima de 37,8 a pousada, ou hotel não pode aceitar a estadia e deve comunicar qualquer caso suspeito (febre) à Secretaria de Saúde do município em que se encontra a empresa de estadia , seja ela um hotel, uma pousada, chalé, imóvel para locação, ou qualquer forma de hospedagem localizados nos principais vales e vilas da região de Visconde de Mauá. Os principais vales e vilas são: a Vila da Maromba, Vila de Maringá, Vila de Visconde de Mauá., Vale da Santa Clara, Vale das Cruzes, Vale do Alcantilado, Vale das Flores e Lote 10.
  2. Em Abril de 2020 a região de Visconde de Mauá ficou totalemente fechada para atividades turísiticas, no decorrer do tempo teve uma reabertura parcial, voltou a fechar no início de 2021, mas resumindo: desde Abril de 2021 o turismo reabriu as portas para as atividades turísiticas em geral tais como:  as pousadas, hotéis, restaurantes, lojas, bares e pontos turísticos localizadas na região de Visconde de Mauá, assim como suas vilas e vales localizadas no estado do Rio de Janeiro e Minas Gerais.
  3. O uso de máscara continua ser uma exigência básica e obrigatória na circulação, pontos turísticos e em locais fechados.
  4. Durante a subida da serra pode haver postos de controles para exigir o cumprimento das leis locais. Ter a confirmação da reserva de sua estadia  em mãos tem sido uma das exigências pedidas nos postos de controles.
  5. Para conter o fluxo alguns tipos de visitas , ou viagens à Visconde de Mauá pode ser entrada negada nos postos de controles, principalmente se for  excursões em VANs,e ônibus fretados e  viagem tipo ” bate e volta” (visitas de um dia , ou sem hospedagem confirmada).
  6. Mesmo durante o período de flexibilização comercial; as pousadas , hotéis, bares, restaurantes e lojas devem manter o reforço na higeinização de suas áreas comuns e de maior circulação com distribuição de álccol gel . No caso de Pousadas e Hotéis, o reforço de higienização deve ser estendido também as suas acomodações, tais como: chalés, cabanas, casas para temporada, suítes, apartamentos etc.  ELA
Icone e logotipo na cor verde de Visconde de Mauá simulando picos de montanha e www da web

Utilizamos cookies no nosso site para lhe dar a experiência mais relevante.